O Automobilismo Brasileiro não perdeu apenas esse sorriso largo, perdeu em competência
06/04/2020 20:32 em NOVIDADES

Se existem textos difíceis de se escrever, este é um deles.

Marcus Ramaciotti, não deixou apenas filho e esposa, também deixou categorias, pilotos, mecânicos, preparadores, comissários, fiscais de sinalização, equipes de resgate, jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas órfãos neste dia 05 de abril de 2020.

Mesmo após vencer a guerra contra o câncer, uma diverticulite o fez retornar a um hospital e ao contrair um infecção hospitalar, não resistiu e "Marcão" foi dirigir corridas em outro plano.

Peço desculpas pela demora para um texto tão curto, pois este editor ainda não assimilou a notícia. Ele merece muito mais.

 

Por Alex Cronhal

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!