TCR South America: "Não será fácil, mas não é impossível", diz Digo Baptista sobre briga pelo título
15/12/2021 18:22 em TURISMO

Brasileiro da Cobra Racing Team está 14 pontos atrás do principal rival, mas rodada dupla final em Concepcion terá mais de 50 pontos em jogo

 

A primeira temporada da história do TCR South America terá sua etapa final neste sábado e domingo (dias 18 e 19), no autódromo de Concepcion del Uruguay, na Argentina. E a briga pelo título promete.

 

Vice-líder e melhor brasileiro na competição, Digo Baptista chega a mais um desafio animado e confiante na performance do Audi RS3 LM TCR #13, da Cobra Racing Team, comandada por Nonô Figueiredo.

 

O brasileiro tem 215 pontos, contra 229 do líder, o espanhol Pepe Oriola. A rodada terá duas corridas, com mais de 50 pontos em jogo no total, contando os 25 para cada vitória e a pontuação do treino classificatório (o pole soma cinco pontos).

 

Como na maioria da temporada, o circuito será mais um onde Digo nunca andou. Mas o piloto não vê isso como um problema, pois tem conseguido se adaptar rápido aos traçados.

 

“A expectativa é alta. Sabemos que não será fácil, mas não é impossível, principalmente, porque são mais de 50 pontos em jogo. Então, temos de focar em fazer o nosso trabalho, dar o máximo que pudermos e, no final, ver o que acontece”, comentou o piloto de 25 anos.

 

“Tem sido um campeonato muito bom. Meu principal rival, o Oriola, já corre há um tempo com esses carros, trouxe um engenheiro de fora e isso faz uma grande diferença no tempo que se leva para aprender o carro, fazer o set up, mexer”, destacou Digo.

 

“No nosso caso, estreamos sem conhecer muito bem o carro, então chegar à última etapa com chances de brigar pelo título com ele é muito gratificante”, continuou o brasileiro.

 

Nas sete etapas da temporada até aqui, Digo conquistou três vitórias (Curitiba e duas em El Pinar), um segundo lugar (Rivera) e um terceiro (Interlagos). Embora tenha ficado de fora do pódio nas últimas corridas, ele ressalta que a evolução do time tem sido constante.

 

“Na última prova, evoluímos muito e o carro estava muito bom. Mas acabei largando no meio do pelotão e perdi muito tempo atrás de alguns carros. Então, vamos focar em nos classificar mais à frente nestas provas finais, porque este é um carro difícil para ultrapassar. Estamos confiantes”, completou.

 

Os treinos terão início na sexta-feira (17), com a tomada de tempos no sábado, a partir das 10h30, e a primeira prova às 14h10. A corrida final será no domingo, às 9h05. O Fox Sports exibe VT da corrida 1 no domingo, a partir das 8 horas, com a segunda prova ao vivo na sequência.

 

Confira a programação:

 

Sexta-feira, dia 17

12h55 às 13h25 – Treinos Livres

 

Sábado, dia 18

8h05 às 8h35 – Treinos Livres

10h30 às 11h10 – Classificação

14h10 – Corrida 1 (13 voltas ou 25 minutos)

 

Domingo, dia 19

9h05 – Corrida 2 (16 voltas ou 30 minutos)

 

Os 10 primeiros no campeonato:

1 Pepe Oriola (Esp) 229

2 Digo Baptista (Bra) 215

3 Raphael Reis (Bra) 205

4 José Manuel Sapag (Arg) 138

5 Adalberto Baptista (Bra) 113

6 Fabio Casagrande (Bra) 95

7 Santiago Urrutia (Uru) 85

8 Tom Coronel (Hol) 78

9 Rodrigo Pflucker (Per) 75

10 Fabrizio Pezzini (Arg) 63

 

Fonte: FGCom

Texto: Fernanda Gonçalves

Imagem: Hernan Chapa

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!