PUBLICIDADE
Di Grassi faz o hino brasileiro tocar em Berlim
14/08/2021 11:43 em FÓRMULA

Piloto surpreende com vitória sensacional e volta à briga pelo título da F-E

Em um dos finais de prova mais eletrizantes da história da Fórmula E, Lucas Di Grassi obteve uma vitória ao mesmo tempo importante e surpreendente durante a 14ª e penúltima etapa do Campeonato Mundial, disputada neste sábado no aeroporto de Templehof, em Berlim. Depois de largar em terceiro e usar uma inteligente estratégia do modo ataque, Lucas cruzou a linha de chegada com uma vantagem de apenas 0s141 sobre o suíço Edoardo Mortara, da equipe Venturi Racing. A vitória nesta prova, que embaralhou ainda mais a classificação, fez o brasileiro ascender de 14º para sexto na pontuação, a oito pontos do líder Nyck De Vries (Mercedes) – com ainda 30 pontos em jogo na corrida final deste domingo. 

Esta foi a 12ª vitória e 35º pódio da carreira de Lucas na F-E, oferecendo desde já uma grande despedida para a equipe Audi Sport Abt Schaeffler – time alemão que realiza suas últimas corridas na rodada dupla de Berlim. 

“Perdemos uma vitória importante em Roma e depois tivemos aquela vitória que também perdemos em Londres. Por isso vencer a corrida aqui em Berlim significa muito para mim e também para a Audi”, destacou Di Grassi, lembrando que a Alemanha é a terra natal da fabricante. Lucas já contabilizava uma vitória em 2021, no México. “Agora nós vamos para a cartada final, amanhã, na última corrida do ano, com chances de terminar entre os primeiros. Nosso carro está bom, então a equipe se mantém confiante”, completou o brasileiro.

A 15ª e última etapa da temporada terá largada às 10h30 (de Brasília), com transmissão ao vivo pela TV Cultura e Sportv. Confira os dez primeiros na classificação:

1) Nyck De Vries (Holanda, Mercedes), 95 pontos

2) Edoardo Mortara (Suíça, Venturi Racing), 92

3) Jake Dennis (Inglaterra, BMW), 91

4) Mitch Evans (Nova Zelândia, Jaguar), 90

5) Robin Frijns (Holanda, Envision Virgin Racing), 89

6) Lucas Di Grassi (Brasil, Audi Sport Abt Schaeffler), 87

7) António Félix da Costa (Portugal, DS Techeetah), 86

8) Sam Bird (Inglaterra, Jaguar), 81

9) Jean-Éric Vergne (França, DS Techeetah), 80

10) Alex Lynn (Inglaterra, Mahindra), 78

 

Jornalista responsável: Rodolpho Siqueira

Imagem: Audi Sport

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!